PESSOAL NESTE BLOG EU TRATO DE TUDO UM POUCO SOBRE INFORMÁTICA. ESTE BLOG SERVE EM PARTE PARA MIM COMO UM BLOCO DE NOTAS. PUBLICO AQUI MUITO ASSUNTO DE QUE ME PEDEM. ESPERO K APRECIEM ,

02
Nov 10

E COMO SABER Ñ OCUPA ESPAÇO AKI VAI MAIS UMAS DICAS K ME FORAM MUITO UTEIS

PESSOAL EU AQUI NO MEU BLOG EU PESQUISO TESTO , APLICO E DEPOIS COLOCO AKI,POEQUE TAMBEM VOU APRENDENDO CERTO?

AGORA  PODEM DAR UMA VISTA DE OLHOS NO QUE VEM ASEGUIR, PORQUE É MUITO IMPORTANTE PARA O DESEMPENHO DO NOSSO

COMPUTADOR

Pessoal não vou remover ligações , pork podem dar uma vista de olhos no verdadeiro site!!!!!!!!!!!!!!!!!

Cuidados com o Windows


Com o passar do tempo, especialmente quando se instala e desinstala programas várias vezes, pode acontecer que o desempenho do computador deixe a desejar, pois muitos processos se tornam lentos.

Geralmente é muito fácil instalar programas. 

Assim, pessoas bastante despreparadas podem literalmente abarrotar o disco rígido com programas e vários outros tipos de arquivos, sendo comum encontrar em seus computadores diversos softwares que não são usados e que o usuário nem sequer sabe a que se destinam, muitas vezes instalados duas ou mais vezes em pastas diferentes do mesmo drive.

Um dos efeitos comuns da superlotação do o é a lentidão excessiva da máquina.

Cuidados

Alguns cuidados básicos e procedimentos preventivos devem ser realizados rotineiramente, para impedir a lentidão do sistema.

Assim, existem programas ou procedimentos que devem ser executados periodicamente, entre 5 e 15 dias

ou

- quando se instala ou desinstala programas,
- quando o computador está muito lento,
- quando se deseja garantir a integridade do disco,
- quando não se consegue ler um disquete.

Procedimentos que devem ser rotineiros

Deve-se executar manualmente ou agendar a execução (no mínimo mensal) desses procedimentos, nessa ordem:

| a. Fechar programas | b. Limpeza de disco | c. Antivírus | d. AntiSpyware |

| e. Scandisk | f. Desfragmentador | g. Esvaziar e usar a lixeira |


Outros procedimentos

Devem ser verificados quando se nota queda de desempenho ou lentidão excessiva do computador.

Mas incluir tais procedimentos numa rotina mensal ou bimestral só poderá fazer bem.

"Desinstalação" de programasLimpeza do registro |

Programas do Menu Iniciar |


a. Fechar todos os programas

O Desfragmentador ou o Scandisk podem demorar muito para terminar (horas e horas) ou até não terminar. Isso acontece porque outros programas estão sendo executados ou alocados na memória e interrompem o processo. Assim, tais programas precisam ser fechados. Por exemplo:

- colocar em modo de "pausa" o Agendador de Tarefas do Windows, - fechar os programas que estejam na barra, ao lado do relógio (por exemplo, GetRight, ICQAVGDownload Acelerator). - colocar o programa de proteção de tela como "nenhum" oucom um tempo de entrada bem longo (60 minutos ou mais).

Modos de fechar todos os programas

1. Pressionar simultaneamente as teclas Ctrl, Alt e Del.
Abrir-se-á a janela de tarefas. (Todos os programas que estão sendo executados no momento aparecem nela).
Clique nas tarefas (uma de cada vez) e, depois, clique em Finalizar, para cada uma delas.
Todos os programas devem ser fechados, à exceção do Explorer (deve-se fechar até mesmo o Systray).
Quando todas estiverem fechadas, só restando a tarefa Explorer, iniciar o desfragmentador


2. Para Windows 98:
Ligar o micro e pressionar a tecla <F8> logo que aparecer a mensagem "Iniciando Windows 98...".
No menu, escolher a opção "Modo de segurança".
Quando o Windows iniciar, executar o Desfragmentador e o Scandisk normalmente.
O modo de segurança garante que não há nenhum outro programa sendo executado.


b. Limpeza de disco

Quando se usa um computador, diversos arquivos temporários são gerados.

Eles deveriam ser automaticamente apagados pelo Windows, mas isso nem sempre acontece e eles acabam permanecendo no HD (disco rígido), ocupando espaço desnecessariamente.

O programa "Limpeza de disco", que está incluído no Windows, realiza o trabalho de remoção automaticamente, eliminando os seguintes tipos de arquivo: 

- temporários armazenados durante a navegação pela internet, 
- de programas recebidos, que apagamos de nosso sistema, mas que continuam armazenados e
- temporários do próprio sistema

Como limpar o Disco:

Clicar em Botão Iniciar - Programas - Acessórios - Ferramentas de Sistema - Limpeza de Disco.
Aparecerá uma janela em que se escolhe a unidade de disco. 
O drive "C" vem selecionado, mas, se houver, pode-se selecionar outra unidade.
Clicar em OK.
Na nova janela que surge, na aba Limpeza de Disco, selecionar todos os tipos de arquivos que desejar remover.
Para realizar a limpeza completa, marcar todos os itens disponíveis:

- Temporary Internet Files (Arquivos temporários da Internet) - Arquivos de programa copiados
- Lixeira - Arquivos Temporários (*.tmp) Clicar em Ok. Aparecerá a pergunta de confirmação. Confirmar.

 

Outro modo de iniciar Limpeza de Disco
Clicar no ícone "Meu Computador" - Selecionar a unidade de disco rígido.
Com o mouse sobre o "drive" escolhido, pressionar o botão direito.
Na janela que aparece, selecionar a aba "Propriedades".
(Aparecerá a indicação visual do tamanho do HD, a área ocupada e a área livre).
Para a Limpeza de Disco, selecionar o botão "Limpar disco".

Programa auxiliar de limpeza: Ccleaner

Um programa gratuito que facilita muito a limpeza, eliminando arquivos temporários, sem alterar outros programas é o Ccleaner.
Quando executado elimina uma grande quantidade de arquivos desnecessários que só ficam atravacando o computador.

Para copiar o instalador, saber como instalar e usar o Ccleaner, clicar aqui). 


c. Antivírus

Deve-se executar um antivírus atualizado sobre a unidade escolhida ("drive" A, C, D, etc), pois o Scandisk pode espalhar vírus que estejam no computador. 

Aqui há bastante informação sobre o antivírus da Grisoft, o AVG.

Para copiar o instalador, saber como instalar e usar o AVG, clicar aqui).

O programa agente de sistema pode ser agendado para executar esses programas periodicamente (aproveitando horários de almoço, por exemplo).

Mas o pedido de execução também pode ser manual. (O ícone desse programa pode ser encontrado ao lado do relógio ou noWindows Explorer).

A periodicidade com que o Antivírus deve ser atualizado e executado diminui cada vez mais. 

Muitas empresas lançam algumas atualizações por semana, muitas vezes diariamente, e o sensato é verificar sempre e atualizar o antivírus e escanear o computador. 

Atualmente é aconselhável fazer tal verificação no mínimo uma vez por dia.

Vacinas múltiplas, também atualizadas, como o Stinger, podem auxiliar na prevenção e desinfecção do computador.

Para copiar o instalador, saber como instalar e usar o Stinger, clicar aqui).


d. AntiSpywares

Spyware é um programa que recolhe as informações sobre o usuário, sobre seus costumes na Internet e transmite esta informação a uma terceira pessoa, ou empresa que as comercializam, sem o conhecimento e autorização da primeira. 

(Para saber mais sobre spywares clicar aqui).

Um antiSpyware é um programa gratuito que escaneia o computador em busca dos arquivos produzidos por esses programas espiões, especialmente em adwares

Um programa que elimina Spywares é o Spybot.

Para copiar o instalador, saber como instalar e usar o Spybot, clicar  aqui). 


e. Scandisk

O Scandisk é um programa que verifica a integridade dos dados existentes em unidades de armazenamento de massa ( HD,disquete etc).

Além disso, também verifica a integridade dos setores do disco

Assim sendo ele faz uma "manutenção" do disco, procurando e corrigindo os erros lógicos

Um erro desse tipo pode aparecer, por exemplo, quando se desliga o computador enquanto um programa está sendo executado ou quando falta energia elétrica.

Se não usarmos programas de correção como o Scandisk periodicamente, os erros lógicos acabam aumentando e se acumulando, até chegar a um ponto em que não se pode acessar determinados arquivos e, até, não executar o próprio Windows. Portanto, é útil agendar a execução desses programas pelo menos uma vez por mes.

De acordo com o sistema operacional instalado há maneira difeentes de executar o scandisk:




Scandisk no Windows 98

Clicar em Iniciar - Programa - Acessórios - Ferramentas de Sistema - Scandisk
Escolha a unidade de disco a ser verificada.
1.1. Se o programa for executado sempre, marcar as opções: X Padrão X Corrigir erros automaticamente
Clicar em iniciar. Ao final, o programa fornecerá um pequeno relatório dizendo se encontrou erros ou não. Se forem poucos erros, isso pode ser considerado normal.
1.2. Se o programa nunca foi executado, em vez da opção "Padrão", selecionar: X Completo e X Corrigir erros automaticamente


Scandisk no Windows ME
No Windows ME executar o Scandisk pode ser um grande problema e, muitas vezes o computador não o conclui.
Em primeiro lugar, esse problema pode ocorrer se algum aplicativo estiver rodando simultaneamente com o Scandisk.
Em primeiro lugar, deve-se proceder como no "Modo 1 de fechar todos os programas" do item Fechar programas.

Scandisk em modo DOS
Entretanto, se o problema persistir, pode-se tentar executar o Scandisk em modo DOS:
no Windows ME, crie um disco de inicialização
- Acessar Painel de Controle, Adicionar/Remover Programas,
- Clicar na aba Disco de Inicialização. Seguir o procedimento indicado na tela.
- Em seguida, reiniciar o computador com esse disquete na unidade.
- Quando aparecer o menu, escolher "Minimum Boot", e verá o prompt de comando do DOS (C:\).
- Digitar scandisk e pressionar Enter.
- Aguardar o final da verificação.
- Retirar o disquete da unidade. Reinicializar o computador.

Scandisk no Windows XP

- Clicar em "Meu Computador" 
- Selecionar a unidade de disco a ser verificada (em geral C:/), clicando nela com o botão direito do mouse
- Clicar em "Propriedades" ("Properties")
- Clicar em "Ferramentas" ("Tools")
- Em "Verificação de Erros" ("Errors checking") clicar em "Verificar agora" ("Check disk")
- Em "Verificar agora" ("Check disk") pode-se selecionar (ou não)
- "Automatically fix file systems errors."
- "Scan for and attempt recovery of bad sectors."

Se aparecer uma pergunta dizendo que não é possível efetuar o procedimento agora, concorde em que ele seja feito ao reinicar o computador. Desligue-o e quando reiniciar pode aparecer uma janela, tipo DOS, efetuando-o.


f. Desfragmentador de disco

Quando o sistema grava dados no HDarquivo é dividido em partes, ficando em várias áreas do disco. Isso acontece devido à alta velocidade de rotação do disco rígido. 

Se um arquivo for apagado, o espaço antes usado será ocupado por um outro arquivo, podendo fragmentar as novas informações entre os espaços existentes no HD.

Portanto, após algum tempo, os arquivos gravados podem ficar fragmentados e suas partes ficam espalhadas por todo o HD.

Assim, um dos fatores que costumam deixar o computador muito lento é a constante fragmentação do disco, depois de sucessivas instalações e exclusões de dados e programas no micro.

defrag.exe é o programa que encontra os pedaços de um mesmo arquivo espalhados no HD e os reorganiza em um bloco contínuo, o que facilita o processo de leitura de dados. 

Portanto, a desfragmentação consiste em reorganizar os setores, colocando-os como partes de um mesmo arquivo, próximos um do outro, de forma contínua.

Outro dado importante é que as versões mais recentes também movem para o início do disco rígido os arquivos e programas que são mais freqüentemente acessados, o que agiliza sua abertura.

É importante notar que o uso do desfragmentador não é obrigatório, como acontece com o Scandisk, mas é recomendavel executá-lo também periodicamente, para melhorar o desempenho nos acessos ao disco rígido.

É aconselhável não utilizar o computador enquanto o desfragmentador está sendo executado, pois se o disco rígido for acessado o processo será mais demorado.

A desfragmentação pode ser uma tarefa demorada e consumir algumas horas. Portanto, é bom considerar deixar o computador desfragmentando durante a madrugada.

Windows 98Windows XP |

Desfragmentar o Windows 98


- Clicar em Iniciar - Programa - Acessórios - Ferramentas de Sistema - Desfragmentador de Disco
- Escolher a unidade de disco a ser verificada.
- Clicar em OK. Esperar chegar a 100%.
- Ao finalizar, reinicializar o Windows.


Desfragmentar o Windows XP


- Clicar em "Meu Computador" 
- Selecionar a unidade de disco a ser verificada (em geral C:/), clicando nela com o botão direito do mouse
- Clicar em "Propriedades" ("Properties")
- Clicar em "Ferramentas" ("Tools")
- Em "Desfragmentação" ("Defrag") clicar em "Desfragmentar agora" ("Defrag now")
- Na janela que se abre ("Desfragmentador de disco") clicar em "Analisar"
- Esperar. Aparecerá um aviso se a unidade deve ser desfragmentada ou não.
- Em caso negativo, clicar em "Ok" e fechar tudo.
- Em caso positivo, clicar em "Ok", clicar em "Desfragmentar"
- O desfragmentador pode iniciar imediatamente ou pode aparecer um aviso que a unidade só poderá ser desfragmentada se o sistema for reiniciado.
- Nesse caso, clicar em "Ok" e fechar tudo e desligar (não reiniciar) o sistema. Esperar 10 segundos e religar. Automaticamente o desfragmentador deve começar a ser executado.
- Esperar terminar.
- Ao finalizar, reinicializar o Windows.

 

g. Limpeza do registro do Windows

RegClean e o Ccleaner são programas que possibilitam limpar chaves erradas do registro do Windows.

Muitas chaves do Registro danificadas, não utilizadas ou desnecessárias vão permanecendo no computador especialmente quando se instala, desinstala e reinstala programas. Particularmente vão ficando as chaves que não forem removidas quando programas são desinstalados. Assi, executar o RegClean periodicamente torna-se absolutamente necessário. 

Para copiar o instalador, saber como instalar e usar o RegClean, clicar aqui
Para copiar o instalador, saber como instalar e usar o Ccleaner, clicar aqui).

 

Como esvaziar a lixeira

Na lixeira do Windows ficam arazenados os arquivos que são deletados, o que permite a sua recuperação.

Entretanto, se alguém apagou um arquivo, pode ter tido como objetivo liberar espaço no sistema. E o arquivo continua lá, ocupando espaço.

O ícone da Lixeira (vazia) é visível na tela principal do Windows. E, também, dentro do Windows Explorer

Percebe-se imediatamente que, quando um arquivo é colocado na lixeira, o ícone se modifica, passando a mostrar uma lixeira cheia.

Como usar a lixeira

1. Para recuperar um arquivo
- Dar um duplo clique sobre a lixeira para visualizar seu conteúdo. 
- Selecionar o(s) arquivo(s) desejado(s) 
- No menu Arquivo, clicar em "Restaurar". 
Os arquivos voltarão para a pasta onde estavam ao serem deletados.

2. Para deletar todos os arquivos da lixeira

- Dar um duplo clique sobre a lixeira para visualizar seu conteúdo.

- No menu Arquivo, clicar em Esvaziar Lixeira

ou

- Dar um clique simples sobre a lixeira, com o botão direito do mouse . 
- Clicar em Esvaziar Lixeira

Como alterar a configuração da lixeira

- Dar um clique simples sobre a lixeira, com o botão direito do mouse .

- Clicar em Propriedades

Pode-se definir

- se os arquivos deletados devem ser guardados temporariamente na Lixeira ou sumariamente deletados

- tamanho da área de disco que poderá ser utilizada pela Lixeira.

- se deve aparecer a pergunta confirmando a exclusão.

 

 

Desinstalação de programas

É comum as pessoas terem instalados em seus computadores, programas que não usam a muito tempo, ou até que nunca usaram. 

Tais programas podem ser desinstalados e espaço será liberado no HD.

Portanto, é absolutamente necessário que se conheça os programas e o nome dos arquivos que se deseja manter.

Se houver dúvidas, informe-se antes, para não correr o risco de perder programas importantes.

Se existe algum programa não desejado, desinstale-o. (Nunca delete simplesmente os arquivos).

Um caminho para desinstalar corretamente é:

Botão Iniciar - Configurações - "Painel de Controle" - "Adicionar / Remover Programas". 

Se desejar mais informações sobre a desinstalação de programas, clique aqui).

 

Reduzir o número de programas no Menu Iniciar

Quando o computador está demorando muito para começar a funcionar deve-se verificar quais programas estão no Menu Iniciar.

Isto acontece, em geral, porque na instalação de muitos programas, instala-se também pequenos programas que são sempre carregados quando o Windows inicia.

Os ícones de alguns deles aparecem na barra de tarefas, do lado direito, ao lado do relógio. Cada ícone representa um programa carregado e ativo. 

Esses programas podem ser fechados, clicando-se em seu ícone e na opção fechar. Mas isso só fecha o programa nesse momento. Na próxima vez que o Windows iniciar ele estará lá, novamente.

Além disso, muitos programas ficam invisíveis, sem ícone ou chave no menu para indicar sua presença.

Então, pode-se usar o MSConfig. exe, que já vem no Windows. Ele permite controlar o que é carregado quando se inicia o sistema operacional.

- Clicar em Botão Iniciar / Executar
- Na janela que aparece digitar msconfig e clicar em OK.
- Clicar na aba Iniciar e desmarcar os programas indesejados.

(Quando se retira a marca do campo que aparece no lado esquerdo da linha, garante-se que o aplicativo apenas não será carregado quando da inicialização do sistema, mas ele permanecerá instalado). Evidentemente, se for necessário, pode-se marcá-lo novamente, garantindo assim sua carga futura.

publicado por jorgepc às 20:26
sinto-me:

Gostei muito! Pode ajudar-me com uma questão?
Tenho duas memórias RAM no computador de 1 Gb cada, mas com velocidades diferentes. Uma tem 667 Mhz e a outra 800. Há possibilidade de incompatibilidade ou instabilidade do sistema? Obrigada.
Rosy a 5 de Novembro de 2010 às 18:21

Olá
Tudo bem?

Quanto a questão das memórias é sempre aconselhável ter as duas iguais. Pode vir a causar alguma instabilidade
jorgepc a 8 de Novembro de 2010 às 17:15

0UTRA RESPOSTA DAKI, É O SEGUINT

Se as RAM são iguais ( ddr2 \ ddr3 ) embora a velocidade diferente e estão boas, não haverá instabilidade no PC. Fique é ciente que elas irão funcionar só na velocidade mais baixa ...isto é , toda a data será processada a 667 Mhz em vez de 800 Mhz.
Não poderá trocar ou adquirir ambas á mesma velocidade ???
Cumprimentos
jorgepc a 9 de Novembro de 2010 às 15:35

Sim há, mas tudo depende da forma como a motherboard lida com a mistura das velocidades, se for em configuração dual-channel provavelmente terá problemas mas se as colocar em Single-channel (normalmente jogando com os
slots) pode conseguir que funcionem embora ao "ritmo" da mais lenta.
Convém verificar se na BIOS tem alguma opção relacionada com o uso de memórias diferentes, algo que também pode ajudar a resolver eventuais problemas de instabilidade.

Convém sempre fazer um teste às memórias para ver se surgem erros ou algum problema de instabilidade...
- http://www.memtest.org/
- http://oca.microsoft.com/en/windiag.asp
jorgepc a 9 de Novembro de 2010 às 15:46

Muitíssimo obrigada!
Rosy a 10 de Novembro de 2010 às 22:23

Novembro 2010
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4
5
6

7
8
9
10
11
12

14
15
17
18
19
20

21
22
23
24
25
26
27

28
29
30


Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Tags

todas as tags

mais sobre mim
pesquisar
 
blogs SAPO