PESSOAL NESTE BLOG EU TRATO DE TUDO UM POUCO SOBRE INFORMÁTICA. ESTE BLOG SERVE EM PARTE PARA MIM COMO UM BLOCO DE NOTAS. PUBLICO AQUI MUITO ASSUNTO DE QUE ME PEDEM. ESPERO K APRECIEM ,

11
Jan 10

Aprenda a compartilhar impressoras em redes que possuem sistemas operacionais Linux e Windows.


Neste artigo, você aprenderá uma dica muito útil para redes que possuem máquinas que utilizam sistemas operacional Linux e outras que utilizam sistema operacional Windows. Como compartilhar a impressora em casos assim? Apesar de parecer uma tarefa difícil de ser realizada, a solução é mais simples do que parece.

Vale ressaltar que a versão Linux utilizada para este artigo foi a Ubuntu 9.04, e que se você estiver utilizando outra versão, alguns detalhes poderão ser diferentes.
Impressora compartilhada entre Windows e Linux
Primeiro caso: instalar impressora do  Linux no Windows
No Linux, é necessário que você possua o programa CUPS instalado no sistema. Em várias distribuições, ele vem junto dos programas padrão apresentados pela distro. Mas se este não for o seu caso, faça o download do CUPS neste link. Ou, se você não utiliza o Ubuntu, faça o donwload clicando aqui.

A partir daí, você deverá adicionar algumas configurações ao CUPS. Edite o arquivo cupsd.conf, localizado na pasta /etc/cups/ (esta pasta pode variar de acordo com a distribuição que você utiliza). Você pode fazer isso ao abrir um terminal qualquer e digitar o seguinte comando: sudo gedit /etc/cups/cupsd.conf . Se você estiver em outra versão Linux que não tenha o comando sudo habilitado, digite o comando su - para adquirir permissões de root e em seguida digite gedit /etc/cups/cupsd.conf .
Adicione as seguintes linhas no final do arquivo:

#Listen localhost:631
Listen *:631
Listen /var/run/cups/cups.sock

Em seguida, reinicie o CUPS com o comando sudo /etc/init.d/cupsys restart . Ou, somente /etc/init.d/cupsys restart , com as permissões de root, caso seu sistema não possua o sudo habilitado.

Pronto! A impressora está compartilhada na rede. Basta apenas que você a adicione  no Windows. Para fazer isso, abra o gerenciador de impressoras, localizado em Painel de controle > Impressoras e aparelhos de fax. Em seguida, no menu ao lado esquerdo, selecione a opção “Adicionar uma impressora”. Clique em Avançar, e na tela seguinte, selecione a opção “Uma impressora da rede ou conectada a outro computador”.
Adicionar impressora no Windows
Nesta tela, você deve inserir a seguinte linha na opção URL: http://SERVER:631/printers/PRINTER, onde SERVER é o nome do host ou IP da máquina que possui a impresso instalada e PRINTER é o nome da impressora que foi compartilhada.
Segundo caso: instalar impressora do Windows no Linux
Obs: antes de realizar o procedimento, lembre-se de compartilhar a impressora no Windows.
No caso contrário, no qual a impressora está instalada no Windows, e se deseja adicioná-la ao Linux, você deve realizar o seguinte procedimento:
Selecione o menu Sistema > Administração > Impressão. Na janela que será aberta, clique sobre o ícone de adicionar nova impressora, localizado abaixo do menu “Servidor”, e selecione a opção “Windows Printer via SAMBA”, que pode ser encontrado ao expandir o menu “Impressora de Rede”.
Adicionar impressora no Linux
No campo para digitar o endereço da impressora, digite o endereço conforme pode ser observado no exemplo abaixo do campo em branco para a inserção, ou clique no botão “Navegar” e tente encontrar a impressora ao navegar pela rede. Se for pedido um nome de usuário, utilize o nome “guest”, ou “convidado”.

Caso ocorra algum problema, procure alterar as opções na impressora do Windows, desmarcando a opção “Habilitar suporte bidirecional”, na aba “Portas” das propriedades da impressora no Windows.

Pronto! Agora você já sabe como compartilhar sua impressora com outros computadores, seja do Linux para o Windows ou do Windows para o  Linux.
publicado por jorgepc às 16:48
sinto-me:

Janeiro 2010
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2

3
4
5
6
7
8
9

10
13
14
15

17
20
21
23

24
25
27
28
29
30

31


Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Tags

todas as tags

mais sobre mim
pesquisar
 
blogs SAPO